Arquivo do mês: março 2011

Reflexão: Muito se pedirá àquele que muito recebeu

10. O servo que souber da vontade do seu amo e que, entretanto, não estiver pronto e não fizer o que dele queira o amo, será rudemente castigado. – Mas, aquele que não tenha sabido da sua vontade e fizer coisas dignas de castigo menos punido será. Muito se pedirá àquele a quem muito se houver dado e maiores contas serão tomadas àquele a quem mais coisas se haja confiado. (S. LUCAS, cap. XII, vv. 47 e 48.)

11. Vim a este mundo para exercer um juízo, a fim de que os que não vêem vejam e os que vêem se tornem cegos. – Alguns fariseus que estavam, com ele, ouvindo essas palavras, lhe perguntaram: Também nós, então, somos cegos? – Respondeu-lhes Jesus: Se fôsseis cegos, não teríeis pecados; mas, agora, dizeis que vedes e é por isso que em vós permanece o vosso pecado. (S. JOÃO, cap. IX, vv. 39 a 41.)

12. Principalmente ao ensino dos Espíritos é que estas máximas se aplicam. Quem quer que conheça os preceitos do Cristo e não os pratique, é certamente culpado; contudo, além de o Evangelho, que os contém, achar-se espalhado somente no seio das seitas cristãs, mesmo dentro destas quantos há que não o lêem, e, entre os que o lêem, quantos os que o não compreendem! Resulta daí que as próprias palavras de Jesus são perdidas para a maioria dos homens.

O ensino dos Espíritos, reproduzindo essas máximas sob diferentes formas, desenvolvendo-as e comentando-as, para pô-las ao alcance de todos, tem isto de particular: não é circunscrito: todos, letrados ou iletrados, crentes ou incrédulos, cristãos ou não, o podem receber, pois que os Espíritos se comunicam por toda parte. Nenhum dos que o recebam, diretamente ou por intermédio de outrem, pode pretextar ignorância; não se pode desculpar nem com a falta de instrução, nem com a obscuridade do sentido alegórico. Aquele, portanto, que não aproveita essas máximas para melhorar-se, que as admira como coisas interessantes c curiosas, sem que lhe toquem o coração, que não se torna nem menos vão, nem menos orgulhoso, nem menos egoísta, nem menos apegado aos bens materiais, nem melhor para seu próximo, mais culpado é, porque mais meios tem de conhecer a verdade.

Os médiuns que obtêm boas comunicações ainda mais censuráveis são, se persistem no mal, porque muitas vezes escrevem sua própria condenação e porque, se não os cegasse o orgulho, reconheceriam que a eles é que se dirigem os Espíritos. Mas, em vez de tomarem para si as lições que escrevem, ou que lêem escritas por outros, têm por única preocupação aplicá-las aos demais, confirmando assim estas palavras de Jesus: “Vedes um argueiro no olho do vosso próximo e não vedes a trave que está no vosso.” (Cap. X, nº 9.)

Por esta sentença: “Se fôsseis cegos, não teríeis pecados”, quis Jesus significar que a culpabilidade está na razão das luzes que a criatura possua. Ora, os fariseus, que tinham a pretensão de ser, e eram, com efeito, os mais esclarecidos da sua nação, mais culposos se mostravam aos olhos de Deus, do que o povo ignorante. O mesmo se dá hoje.

Aos espíritas, pois, muito será pedido, porque muito hão recebido; mas, também, aos que houverem aproveitado, muito será dado.

O primeiro cuidado de todo espírita sincero deve ser o de procurar saber se, nos conselhos que os Espíritos dão, alguma coisa não há que lhe diga respeito.

O Espiritismo vem multiplicar o número dos chamados. Pela fé que faculta, multiplicará também o número dos escolhidos.

(O Evangelho Segundo o Espiritismo – capítulo 18)

Fonte: Portal Espírito

Categorias: Reflexões | Tags: , , , , , | Deixe um comentário

Vamos ajudar quem precisa?

Categorias: Espiritismo, Reflexões | Tags: , , , , | Deixe um comentário

Reunião do dia 27/3/2011

Caros companheiros,
Segue a pauta completa da nossa próxima reunião de dirigentes/secretários de mocidade, que acontece neste domingo, dia 27 de março, das 15h às 18h, no Paulo e Estevão (São Bernardo).

1 – Abertura
2 – Censo do ABC 2011 e visitas entre turmas e da coordenação: faremos um grande raio-X para descobrir como está a Mocidade do ABC e assim conseguirmos tomar ações práticas de melhorias
3 – Ação social conjunta: avaliação de como foi, críticas, sentimento dos alunos, resultado geral da ação conjunta entre todos
4 – EGM 2011 / EGM 2012: vamos avaliar o que os alunos trouxeram do Encontro Geral, problemas, coisas bacanas, resultados satisfatórios, e também os trabalhadores. E vamos pensar também o que queremos fazer para o Encontro Geral 2012, visto que a sede ainda não foi escolhida e toda regional é uma potencial sede.
5 – Frentes
artes (teatro e música): teatro falará sobre novo modelo e começo das aulas
comunicação
eventos: novidades
social: campanha para o Viva a Vida, distribuição dos cartazes e explicação do planejamento e ideias
6 – ERM 2011: escolha da sede, novo modelo de trabalho, escolha da frente em que quer trabalhar
7 – PEE: convite aos dirigentes a participar dos próximos
8 – Reuniões de coordenação: convite estendido a todos os dirigentes participarem e relembrarem a importância de enxergar o movimento de maneira macro. Próxima: abril, na regional Litoral Centro
9 – Reflexão: “muitos os chamados e poucos os escolhidos”
10 – Workshop 2011: novo modelo e possíveis datas
11- Relato das turmas: como está sua turma? Este é o momento de contar
12 – Encerramento

É isso. Caso alguém tenha alguma dúvida, sugestão ou aflição, por favor, entre em contato: mocidadeabc@gmail.com.

Abraços em luz,

Equipe de Coordenação REMO ABC
Bárbara, Pedro e Rodolfo

Categorias: Reuniões | Tags: , , , , , , | Deixe um comentário

Contágio de Felicidade

Mais um encontro passou, não pensemos que terminou, pois em sentimento, energia e harmonia ele ainda continua por um tempo, para alguns ainda por uns dias, para outros ainda por semanas, tudo depende da intensidade que nos envolvemos e abrimos os nossos corações durante esses 4 maravilhosos dias no Encontro Geral de Mocidades no Vale do Paraíba.

 

Acredito que hoje muitos acordaram de uma forma estranha, isso é culpa de um contágio, fomos todos sem piedade contagiados pela alegria, amor e felicidade, todos os sentimentos emanados por sorrisos e afetos sinceros de outros companheiros de mocidade que vivenciam o mesmo ideal que nós. Ideal este de bondade e compaixão, são sentimentos tão bons que quando voltamos à realidade nos sentimos estranhos por estarmos acostumados com o dia-a-dia, mas não podemos deixar as adversidades do nosso cotidiano acabarem com essa sensação de bem que estamos sentindo, devemos lembrar dos ótimos momentos que passamos juntos e aproveitar que nossas baterias foram recarregadas pra levar a todos ao nosso redor alegria e humildade, fazer dos nossos dias pós Encontro Geral dias ainda melhores, pois tivemos a chance de aprender mais, subimos mais um degrau rumo a seara de Luz do Mestre Jesus e, acredite, somos jovens que fazemos a diferença.

 

Para a Regional de Mocidades do ABC, nosso ano de 2011 acabou de começar, o Encontro Geral foi apenas o primeiro passo, pois muita coisa ainda nos aguarda, todos se lembram do último Encontro Regional? Lá foi lançado o Projeto Ágape, teremos muitas ações sociais no decorrer deste ano, assim poderemos manter viva essa chama fraterna que estamos sentindo para ajudar ao próximo, teremos muitas festas, Mocinema, visitas entre as turmas e, claro, o nosso Encontro Regional, muitas atividades ainda nos esperam…

Abraços em luz, fiquem com Deus!

Equipe de Comunicação

Categorias: Encontros, Espiritismo, Novidades | Tags: , , , | 9 Comentários

%d blogueiros gostam disto: